Mundo tem 4,7 bilhões de conexões 4G, afirma 5G Américas

Segundo estudo da 5G Américas, com base nos dados da consultoria Ovum, as conexões 4G, também conhecidas como LTE, cresceram 27% no segundo trimestre de 2019 em relação ao ano anterior. No período, foram ativadas 250 milhões de novas assinaturas, totalizando 4,7 bilhões em todo o mundo. O número representa 53% de todas as conexões sem fio do planeta.

Na América Latina e no Caribe, houve um incremento de 19 milhões de novas conexões 4G no trimestre, atingindo a marca de 324 milhões de assinantes. Até 2023, a Ovum prevê que as conexões LTE crescerão para 500 milhões na região.

O número mostra que as operadoras continuam a investir em inovação e aumento da capacidade das redes LTE para oferecer banda larga para seus clientes. Em meio a implantação do 5G, é esperado que as conexões 4G continuem a crescer até 2021.

A tendência sugere que as conexões LTE chegarão a 6 bilhões até o final de 2022 e depois cairão para 5,7 bilhões em 2023, quando o 5G começa a ganhar força.

Atualmente, existem 34 redes 5G comerciais em operação no mundo e é previsto que esse número aumente para 77 até o final de 2019. Nos próximos anos, é provável que o 4G aumente sua cobertura em áreas menos povoadas, enquanto o 5G seja adotado nos grandes centros urbanos.

Segundo projeções, o 5G chegará a 75 milhões de conexões na América Latina até 2023.

“A boa notícia para o 5G é que vários governos latino-americanos consideram a tecnologia como tendo um papel central em sua estratégia de transformação digital; portanto, eles estão tentando fazer as mudanças regulatórias necessárias nas regras de atribuição de espectro e implantação de rede para acelerar sua implementação, implantação e adoção em sua jurisdição”, afirma Jose Otero, vice-presidente da América Latina e Caribe da 5G Américas.

(Minha Operadora)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *