Brasil atinge marca de 100 mil ERBs

Segundo dados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), em maio deste ano, o Brasil atingiu a marca de 100.054 Estações Rádio Base (ERBs), infraestrutura especializada em radiocomunicação na telefonia móvel. Destas, 2.758 foram instaladas neste ano.

Dentre as operadoras, a Vivo é a que possui o maior número de ERBs, com 27.708 estações, seguido da TIM (24.858), Claro (20.631), Oi (18.820), Nextel (7.272), Algar Telecom (715) e Sercomtel (50).

Somente entre abril e maio, a Vivo acrescentou 639 novas estações ao seu total. Em segundo lugar, aparece a TIM, com 67 novas ERBs.

Entretanto, é válido lembrar que recentemente foi aprovada a fusão entre a Nextel e a Claro. Portanto, se forem somadas as ERBs de ambas as companhias, elas superam o total apresentado pela Vivo.

O estado de São Paulo detém o maior número de estações, com 25.055 ERBs. Após, aparecem Rio de Janeiro (11.485), Minas Gerais (10.387) e Rio Grande do Sul (6.292).

Estima-se que com a chegada do 5G no Brasil, o número de ERBs precisará dobrar para tornar o país competitivo no mercado global.

Contudo, o maior entrave ainda é a legislação para licenciar a instalação de novas antenas. Segundo o SindiTelebrasil, existem atualmente mais de 4 mil pedidos de instalação de antenas em todo o país aguardando a liberação de licenças pelos municípios.

Confira, abaixo, o total de ERBs em cada estado brasileiro.

Estado / Número de ERBs
São Paulo / 25.055
Rio de Janeiro / 11.485
Minas Gerais / 10.387
Rio Grande do Sul / 6.292
Paraná / 5.893
Bahia / 5.022
Santa Catarina / 4.093
Pernambuco / 3.506
Ceará / 3.309
Goiás / 3.215
Pará / 2.781
Espírito Santo / 2.681
Distrito Federal / 2.186
Maranhão / 1.718
Mato Grosso / 1.632
Paraíba / 1.436
Amazonas / 1.368
Rio Grande do Norte / 1.309
Mato Grosso do Sul / 1.308
Piauí / 1.246
Alagoas / 1.163
Sergipe / 844
Tocantins / 688
Rondônia / 638
Acre / 324
Amapá / 285
Roraima / 190
Total: 100.054
(Com informações de Teleco)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.